Projeto piloto integrado a um estudo de avaliabilidade de um protocolo de hiperglicemia em pacientes internados

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51723/ccs.v34i04.1388

Palavras-chave:

Diabetes Mellitus, Hospitalização, Avaliação de custo-efetividade

Resumo

Introdução: O diabetes é uma doença crônica que acarreta altas taxas de internação. O descontrole está associado a desfechos desfavoráveis, culminando com o aumento do custo.Objetivo: Realizar um projeto piloto integrado a um estudo de avaliabilidade para uma avaliação de custo-efetividade de um protocolo de hiperglicemia em pacientes internados em um hospital público em situação de pandemia por COVID-19. Métodos: O estudo de avaliabilidade incluiu: 1. Elaboração do Modelo Lógico; 2. Caracterização dos stakeholders e definição das perguntas avaliativas; 3. Elaboração do Modelo da Avaliação e 4. Operacionalização do estudo piloto. Foram realizados: análise documental, revisão bibliográfica, análise de prontuários, estudo piloto para verificação de condições reais de infraestrutura e interacionais de uma unidade hospitalar. Conclusão: Os principais achados foram a descrição da intervenção e o modelo de avaliação de um estudo de custo-efetividade, em crise sanitária. A principal lição aprendida foi a identificação da necessidade de aproximação, interação e ação colaborativa com os diferentes stakeholders.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flaviene Alves do Prado Romani, Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal - SESDF

Mestre em Avaliação em Saúde pela Fiocruz, Rio de Janeiro/RJ Brasil. Médica Endocrinologista da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, Brasília/DF, Brasil.

Elizabeth Moreira dos Santos, Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz Rio de Janeiro

Doutora em Saúde Comunitária (PhD in Community Health). Universitý of Illinois, Champaign/IL EUA. Pesquisadora Tiular Aposentada ENSP/Fiocruz, Rio de Janeiro/RJ Brasil. Professora Associada da Faculdade CESGRANRIO, Rio de Janeiro/RJ, Brasil.

Everton Nunes da Silva, Universidade de Brasília - UnB

Doutor em Economia e Professor do Curso de Saúde Coletiva da Universidade de Brasília/DF, Brasil.

Arnaldo Cézar Couto , Universidade Estadual do Rio de Janeiro - UERJ

Professor adjunto, Departamento de Farmácia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ); Pesquisador, Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), Rio de Janeiro/RJ, Brasil

Gisela Cordeiro Pereira Cardoso, Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz Rio de Janeiro

Doutora em Saúde Coletiva-IMS/UERJ, Pesquisadora em Saúde Pública, Laboratório de Avaliação, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz (Laser/ENSP/Fiocruz), Rio de Janeiro/RJ Brasil.

Fernanda Silveira Tavares, Universidade Católica de Brasília - UCB

Doutora em Gerontologia pela Universidade Católica de Brasília, Brasília/DF Brasil; Docente em Clínica Médica e Endocrinologista pela Universidade Católica de Brasília, Brasília/DF Brasil.

Referências

IDF Diabetes Atlas [Internet]. 9o ed. 2019 [citado 20 de outubro de 2018]. 168 p. Disponível em: https://www.diabetesatlas.org/across-the-globe.html

Monteiro CA, Claro RM, Souza M de FM de, Macário EM, Coelho MRS, Francis-chetto N de B, et al., organizadores. Vigitel Brasil 2018: vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquérito telefônico : estimativas sobre frequência e distribuição sociodemográfica de fatores de risco e proteção para doenças crônicas nas capitais dos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal em 2018 [Internet]. 1o ed. Brasil: Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Análise em Saú-de e Vigilância de Doenças não Transmissíveis; 2019 [citado 20 de outubro de 2018]. 132 p. Disponível em: https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2019/julho/25/vigitel-brasil-2018.pdf

Pscherer S, Nüssler A, Bahrs C, Reumann M, Ihle C, Stöckle U, et al. [Retrospecti-ve Analysis of Diabetics with Regard to Treatment Duration and Costs]. Z Orthopadie Un-fallchirurgie. fevereiro de 2017;155(1):72–6.

Barcelo A, Arredondo A, Gordillo–Tobar A, Segovia J, Qiang A. The cost of diabe-tes in Latin America and the Caribbean in 2015: Evidence for decision and policy makers. J Glob Health [Internet]. dezembro de 2017 [citado 4 de novembro de 2019];7(2):020410. Disponível em: http://jogh.org/documents/issue201702/jogh-07-020410.pdf

Umpierrez GE, Isaacs SD, Bazargan N, You X, Thaler LM, Kitabchi AE. Hypergly-cemia: An Independent Marker of In-Hospital Mortality in Patients with Undiagnosed Dia-betes. J Clin Endocrinol Metab [Internet]. março de 2002 [citado 20 de julho de 2021];87(3):978–82. Disponível em: https://academic.oup.com/jcem/article-lookup/doi/10.1210/jcem.87.3.8341

Forti AC e, Pires AC, Pittito B de A, Gerchman F, Oliveira JEP de, Zajdenverg L, et al., organizadores. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes 2019-2020. 2019. 489 p.

Moreira Jr E, Silveira PC, Neves RC, Souza Jr C, Nunes Z, Almeida M da CC, et al. Glycemic control and diabetes management in hospitalized patients in Brazil. Diabetol Metab Syndr [Internet]. 2013 [citado 21 de setembro de 2019];5(1):62. Disponível em: http://dmsjournal.biomedcentral.com/articles/10.1186/1758-5996-5-62

Rosa MQM, Dos Santos Rosa R, Marcelo G. Correia, Araujo DV, Bahia LR, Tosca-no CM. Disease and Economic Burden of Hospitalizations Attributable to Diabetes Melli-tus and Its Complications: A Nationwide Study in Brazil. Int J Environ Res Public Health [Internet]. fevereiro de 2018 [citado 3 de novembro de 2019];15(2):294. Disponível em: https://www.mdpi.com/1660-4601/15/2/294

Bahia LR, Araujo DV, Schaan BD, Dib SA, Negrato CA, Leão MPS, et al. The Costs of Type 2 Diabetes Mellitus Outpatient Care in the Brazilian Public Health System. Value Health [Internet]. 1o de julho de 2011 [citado 4 de novembro de 2019];14(5):S137–40. Disponível em: https://www.valueinhealthjournal.com/article/S1098-3015(11)01425-2/abstract

Diabetes Care in the Hospital: Standards of Medical Care in Diabetes—2019. Dia-betes Care [Internet]. janeiro de 2019 [citado 25 de setembro de 2019];42(Supplement 1):S173–81. Disponível em: http://care.diabetesjournals.org/lookup/doi/10.2337/dc19-S015

Netto AP, Parente ÉB, Giacaglia LR, Genestreti PR, Raduan R, Ribeiro RS, et al. Posicionamento Oficial da Sociedade Brasileira de Diabetes no 03/2015 Controle da gli-cemia no paciente hospitalizado. 2015 [citado 3 de dezembro de 2018]; Disponível em: https://www.diabetes.org.br/publico/images/2015/pdf/posicionamentos-acesso-livre/posicionamento-3.pdf

Ministério da Saúde. Diretrizes metodologicas-manual-de-analise-de-impacto-orcamentario-cienciasus. 1o ed. 2014. 74 p.

Silva EN da, Silva MT, Pereira MG. Estudos de avaliação econômica em saúde: definição e aplicabilidade aos sistemas e serviços de saúde. Epidemiol E Serviços Saúde [Internet]. janeiro de 2016 [citado 29 de dezembro de 2019];25(1):1–10. Disponível em: http://www.iec.pa.gov.br/template_doi_ess.php?doi=10.5123/S1679-49742016000100023&scielo=S2237-96222016000100205

Silva EN da, Galvão TF, Pereira MG, Silva MT. Estudos de avaliação econômica de tecnologias em saúde: roteiro para análise crítica. Rev Panam Salud Pública [Internet]. março de 2014 [citado 5 de dezembro de 2019];35:219–27. Disponível em: https://www.scielosp.org/article/rpsp/2014.v35n3/219-227/

Soarez PCD, Novaes HMD, Soarez PCD, Novaes HMD. Cost-effectiveness thre-sholds and the Brazilian Unified National Health System. Cad Saúde Pública [Internet]. 2017 [citado 31 de janeiro de 2020];33(4). Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0102-311X2017000400301&lng=en&nrm=iso&tlng=en

Thurston, WE, Ramaliu, A. Avaliação da avaliabilidade de um programa para so-breviventes de tortura: lições aprendidas. The Canadian Journal of Program Evaluation. 2005;20(2):1–25.

GARNER, J. S. et al. CDC definitions for nosocomial infections, 1988. American Jour-nal of Infection Control, v. 16, n. 3, p. 128–140, jun. 1988.

The Task Force on diabetes, pre-diabetes, and cardiovascular diseases of the Europe-an Society of Cardiology (ESC) and developed in collaboration with the European Asso-ciation for the Study of Diabetes (EASD). ESC Guidelines on diabetes, pre-diabetes, and cardiovascular diseases developed in collaboration with the EASD – Summary. Diab Vasc Dis Res [Internet]. maio de 2014 [citado 19 de outubro de 2021];11(3):133–73. Disponível em: http://journals.sagepub.com/doi/10.1177/1479164114525548

Costa MGS da, Santos M, Cintra MA de CT, Correia MG. Estudo dos custos das internações por cardiopatia isquêmica em indivíduos com e sem diabetes mellitus em centro de referência cardiológico do Sistema Único de Saúde brasileiro. J Bras Econ Saúde Impr [Internet]. agosto de 2016;8(2). Disponível em: http://www.jbes.com.br/images/v8n2/118.pdf

Kyi M, Colman PG, Wraight PR, Reid J, Gorelik A, Galligan A, et al. Early Inter-vention for Diabetes in Medical and Surgical Inpatients Decreases Hyperglycemia and Hospital-Acquired Infections: A Cluster Randomized Trial. Diabetes Care [Internet]. 28 de março de 2019 [citado 19 de outubro de 2021];dc182342. Disponível em: http://care.diabetesjournals.org/lookup/doi/10.2337/dc18-2342

Critchley JA, Carey IM, Harris T, DeWilde S, Hosking FJ, Cook DG. Glycemic Control and Risk of Infections Among People With Type 1 or Type 2 Diabetes in a Large Primary Care Cohort Study. Diabetes Care [Internet]. outubro de 2018 [citado 3 de agosto de 2021];41(10):2127–35. Disponível em: http://care.diabetesjournals.org/lookup/doi/10.2337/dc18-0287

Rodríguez-Acelas AL, de Abreu Almeida M, Engelman B, Cañon-Montañez W. Risk factors for health care–associated infection in hospitalized adults: Systematic review and meta-analysis. Am J Infect Control [Internet]. dezembro de 2017 [citado 3 de agosto de 2021];45(12):e149–56. Disponível em: https://linkinghub.elsevier.com/retrieve/pii/S0196655317309963

Borzì V, Frasson S, Gussoni G, Di Lillo M, Gerloni R, Augello G, et al. Risk factors for hypoglycemia in patients with type 2 diabetes, hospitalized in internal medicine wards: Findings from the FADOI-DIAMOND study. Diabetes Res Clin Pract [Internet]. maio de 2016 [citado 19 de outubro de 2021];115:24–30. Disponível em: https://linkinghub.elsevier.com/retrieve/pii/S0168822716000693

Mendez CE, Mok KT, Ata A, Tanenberg RJ, Calles-Escandon J, Umpierrez GE. Increased Glycemic Variability Is Independently Associated With Length of Stay and Mor-tality in Noncritically Ill Hospitalized Patients. Diabetes Care [Internet]. 1o de dezembro de 2013 [citado 28 de julho de 2021];36(12):4091–7. Disponível em: http://care.diabetesjournals.org/cgi/doi/10.2337/dc12-2430

Janja MML, Regadas CM, Ximenes FAMB, Guimarães T, Vasconcelos MMLM, Castelo MHG, et al. Controle glicêmico intra-hospitalar em pacientes não-criticamente enfermos internados em hospitais terciários no nordeste do Brasil. J Health Biol Sci. 2021;9(1):1–7. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1352413

Publicado

22.05.2024

Como Citar

1.
Alves do Prado Romani F, Santos EM dos, Nunes da Silva E, Couto AC, Cordeiro Pereira Cardoso G, Silveira Tavares F. Projeto piloto integrado a um estudo de avaliabilidade de um protocolo de hiperglicemia em pacientes internados. Com. Ciências Saúde [Internet]. 22º de maio de 2024 [citado 14º de julho de 2024];34(04). Disponível em: https://revistaccs.escs.edu.br/index.php/comunicacaoemcienciasdasaude/article/view/1388

Edição

Seção

Seção temática - Mestrado Profissional em Avaliação em Saúde